Lettering:

fundamentos básicos

Rafael Costa, Designer e Ilustrador



CRIS SEGUIR
OUTROS PROJETOS DE CRIS Começando
OUTROS PROJETOS DESTE CURSO CAMINHO NATURAL

O PROJETO

Começando

18 de Dezembro de 2016 4 0
Antes de escrever o nome, achei melhor começar com a frase usada pelo Rafael no curso, pois assim teria uma referência do desenho das letras e do espaçamento. No primeiro e no segundo desenhos, segui à risca o método de marcar previamente o espaço e a inclinação das letras com o lápis azul, mas nos seguintes fui testando outras maneiras de planejar o desenho (até porque da primeira vez em que desenhei o meu nome, tive dificuldade em fazer cabê-lo no espaço disponível). Também usei canetas de diferentes tipos e cores para experimentar os efeitos.

Depois de fazer as marcações principais de altura das linhas, em azul, decidia qual seria a inclinação e o estilo das letras, fazendo de leve algumas linhas diagonais de referência com lápis macio e desenhando previamente todo o nome, também com lápis, pra poder ter uma visão geral do resultado. Acho que assim o desenho também fica um pouco mais fluido e, pelo menos pra mim, fica mais fácil corrigir o espaçamento. Como sou canhota, também achei melhor fazer a marcação vazada das letras no sentido da escrita, mas preencher da direita para a esquerda (por mais que algumas canetas sequem rápido, é inevitável manchar o papel, como dá pra ver em algumas fotos...).

Gostei muito de fazer os exercícios. É mais difícil do que parece! Acho que tive mais dificuldade com o espaçamento e a regularidade, além de não ter variado muito a espessura das linhas grossas e a altura das letras. Preciso praticar bastante ainda, mas até que fiquei satisfeita com a progressão dos resultados. Também pratico caligrafia e achei muito útil aprender os fundamentos do lettering. São propostas diferentes, mas que podem se complementar em alguns pontos, de acordo com o efeito desejado.


O que você achou deste projeto?

Deixe aqui a sua mensagem